Páginas

Menu

21 maio 2017

Dicas - Comer em SP - Burger Joint e Carlo's Bakery

O post de hoje é fresquinho fresquinho!
Acabei de chegar do jantar de hoje (20.05.17) e já sentei aqui no escritório pra escrever! Acho sempre válido compartilhar dicas de tudo e enquanto estava comendo só pensava: "quero compartilhar isso com mais gente", então só lembrei do meu blog que andou "abandonadinho" antes desse mês.

O que vou escrever aqui pode não servir muito para moradores de SP mas acho que pode servir bem pra quem tá se planejando vir para São Paulo e procurando dicas de onde comer ou se é bom ou não aquele lugar que você tá incluindo na sua lista de "onde comer".

LUGARES VISITADOS, NOTA e MINHA OPINIÃO

BURGER JOINT - Antes de visitar esse lugar você tem que saber e entender a proposta. Ela é filial de uma hamburgueria nova-iorquina e a proposta é diferente daquele padrão que você tá acostumado a ver por aí. Aqui não tem hostess pra te acompanhar até a mesa que você vai ocupar, qui não há garçons servindo nem fazendo pedidos, aqui não tem pratos nem copos de vidro, aqui você tem que levar sua bandeja na lixeira (como nos shoppings em SP), aqui você entra numa fila pra fazer seu pedido num balcão e espera alguém gritar seu nome pra poder buscar e voltar pra sua mesa, aqui você pode riscar mesas e cadeiras e paredes com sua caneta. Essas são as características diferentonas dessa hamburgueria que me surpreendeu porque quando entrei nela não sabia que funcionava dessa forma. Até aí eu já tava mega afiada pra vir aqui "meter o pau" kkkk principalmente quando tive que sentar num lugar que tava cheio de sujeira da pessoa que tava sentada antes de nós a mesa. Por isso (apesar de ser estranho) é interessante que você leve seu lixo pra lixeira pra não deixar a mesa com lixo seu pra quem vai chegar depois.
Bom, mas agora focando no mais importante? SABOR!!!
Como eu disse, tava afiada pra criticar o lugar né? kkkk mas o sabor me ganhou e calou minha boquita! Adorei a maionese (R$5) e o hamburguer! Eu pedi o "The Works" que custa R$22 e também uma porção de batata que é beeem parecida (eu achei) com aquela fininha e sequinha do Mc Donalds. O sal, na minha opinião estava perfeito em todos os itens mas eu gosto de sal no limite do limite então se você curte algo com menos sal talvez ache salgado. Por fim, MEGA recomendo!
NOTA: 9 (perdeu 1 ponto pela limpeza das mesas que deixou a desejar no tempo de entrega do pedido).

O hamburguer já tava em processo de digestão quando fiz esse click! rsrs
Na próxima tento fotografar primeiro. rs
(foto com celular)


CARLO'S BAKERY - Eu não tinha plano nenhum de conhecer esse lugar mas fica tããão pertinho da hamburgueria que eu tava (avaliada acima) que acabei dando uma passada pra conhecer e provar os doces famosos da loja do Buddy/Cake Boss.
Sim, eu já assisti várias vezes o programa dele mas uma coisa é fato, eu NUNCA senti água na boca vendo esse programa! rs Mas a loja dele é sempre tão movimentada que eu pensei: poxa deve ser bom pra caramba! Tenho que provar alguma coisa desse lugar! Foi basicamente por isso TAMBÉM que decidi dar essa passadinha na Carlo's Bakery.
Primeiro você fica meio sem saber o que pedir com tanto doce que tem naquela vitrine rs mas eu queria bastante provar o Canoli tradicional (R$14) e ele já estava na minha lista de pedido. Até que vi uma espécie de croissant de nutella (Lobster Tail-R$14) e não resisti e pedi também. Pra finalizar as escolhas, meu marido pediu um Mousse de chocolate (R$18), pagamos e sentamos do lado de fora da loja. Pelo jeito a ideia do local é fazer o cliente pedir pra viagem mesmo. Só tem umas mesinhas de apoio no pequeno salão e uns bancos do lado de fora da loja.
Primeiro comi o Canoli.... hm, meio sem graça mas ok não é bom mas não chega a ser ruim mas se for pelo custo-benefício é péssimo.
Depois comi o Lobster Tail de Nutella... mordi uma, duas vezes e nada de recheio, meu marido deu uma mega mordida daquelas que mal sobra um pedaço pra quem ofereceu kkkkk e apareceu um recheio beem diferente do "de nutella" que eu imaginei que teria quando comprei. O recheio é uma espécie de chantilly de chocolate. É um creme leve e não tem nada de errado no creme em si mas PORQUE vender como sendo "de nutella"? Sério! A nutella só tá respingada numa linha que tem em cima da massa! Achei muita enganação! Fiquei C-H-A-T-E-A-D-A! Não é de Nutella o negócio!
Só experimentei o Mousse de chocolate (R$18) que meu marido pediu e achei bom. Foi o melhor dos 3 pedidos.
Aí você me pergunta... Mas e você indica o lugar? Minha resposta é não! rsrs não gaste seu din nesse lugar não que tem lugar MUITO MELHOR pra se comer uma sobremesa em São Paulo!
NOTA: 5 (ainda acho que tô sendo generosa com essa nota).

Todos os pedidos são entregues nessa embalagem pra viagem.
(foto com celular)


O recheio de creme de chocolate de um produto que é vendido como sendo de Nutella! 😒😓
A nutella é só esse fiozinho quem vem em cima
(foto com celular)


Espero que minha avaliação seja útil na decisão de ir ou não a esses lugares.

Se for, compartilha aqui sua opinião.

Beijosss e até o próximo post!

09 maio 2017

25 dias viajando pela América do Sul, de mochila


Este é o primeiro post de uma série que começa hoje. Dependendo do fluxo de cliques aqui no blog eu penso se faço todos os posts bem bonitinhos até o final falando bem detalhadamente sobre como foi a nossa viagem, com um post para cada dia da viagem. Sim, estou colocando essa condição pra fazer todos os posts aqui porque dá muito trabalho fazer, e se só 6 pessoas lerem não compensa o trabalho que dá. 😞  Não a toa, isso virou profissão. rsrs Então se você está aqui lendo isso e se interessou pelo roteiro, compartilha com seus amigos, familiares e colegas pra ajudar na motivação da pessoa aqui! Fechado?  
O objetivo desses posts não é só dizer como foi a viagem, pelo contrário, se fosse só pra contar por contar eu nem começaria a escrever. Rs 
A ideia aqui é ajudar as pessoas que estão planejando ir a alguns desses lugares que visitei e compartilhar o que passei, o que visitei, os custos, etc. Antes de embarcar nessa viagem passei noites e noites lendo e estudando sobre os lugares, tours, agências, hotéis… então sei bem o quanto é válido ler as experiências de quem já realizou a mesma viagem antes da nossa. 
Particularmente acho que uma viagem faz muito mais sentido quando você estuda sobre o lugar que vai e planeja seu roteiro. Mas isso é de gosto, e eu sou das que gosta, vê sentido e dá verdadeiro valor nesse estudo e planejamento pré viagem. Prazer, uma virginiana vos escreve. Rs
Mas vamos começar a falar do que importa mesmo!!?

Nessa viagem, visitamos (eu e o maridón) os seguintes países e cidades,  seguindo essa ordem:
1. Bolívia - Santa Cruz de La Sierra / La Paz / Copacabana
2. Peru - Cusco / Aguas Calientes / Nasca / Ica / Arequipa / Puno
3. Bolívia - La Paz / Uyuni
4. Chile - San Pedro de Atacama / Santiago
5. Argentina - Mendoza / Buenos Aires

Sim, nós saímos e voltamos pra Bolívia uma vez por conta do roteiro que planejei e recomendo esse trajeto acima caso você esteja pensando em visitar essas mesmas cidades. 
Antes de tudo, acho válido dizer que essa viagem pode ser feita por QUALQUER pessoa. Eu achava que nunca faria essa viagem mas fiz, amei e recomendo. Ela pode ser muito melhor (ou pior nunca se sabe rs) do que você imagina. Você não precisa ser mochileiro raiz, não precisa ser fluente em espanhol, não precisa ser corajoso, não precisa ser super jovem e muito menos rico. É sim possível qualquer pessoa fazer essa viagem. 
Vou dar uma introdução básica aqui sobre, quando fomos, o que basicamente levamos, o que compramos e espero ajudar você a se planejar melhor pra fazer uma viagem tão incrível quanto foi a nossa. 

QUANDO FOMOS
Em março de 2017

O QUE COMPRAMOS    
  - Antes da viagem -
  • Passagem de ida (sem volta), de avião, de SP (GRU) a Santa Cruz de La Sierra 
  • Passagem de ida (sem volta), de Santa Cruz de La Sierra para La Paz pela BOA
  • Hospedagens em hotéis e hostels para todos os destinos até Puno (o resto fechamos durante a viagem) 
  • Seguro viagem (não utilizado graças a Deus né?)
  • Entradas para Machu Picchu com WaynaPicchu 
  • Passagens de trem de Ollantaytambo para Aguas Calientes pela Inca Rail• 
  • 1 mochila (a de 51lts) + a "bolsa de ataque" na Decathlon

  - Durante a Viagem -
• Souvenirs
• Produtos de higiene pessoal conforme fossem acabando

O QUE LEVAMOS
• 2 mochilas. Sendo uma de 51 litros, a minha, nas costas do marido e outra de 45 litros, a dele, nas minhas costas. A mochila maior pesava mais ou menos 12kg e a menor uns 8kg, quando saímos do Brasil.
  • 1 "bolsa de ataque" transversal de 15 litros no meu ombro. 
  • Dinheiro!! Dólares e Reais em espécie (trocados em casas de câmbio durante a viagem conforme necessário).

O QUE EU LEVEI NA MINHA MOCHILA
  - Precisei enviar roupas pra lavanderia durante a viagem por 3 vezes -
• 6 camisetinhas de calor de várias cores
• 6 blusas de manga longa, sendo 2 pra segunda pele
• 4 calças (1 legging, 2 jeans, 1 de suede)
• 2 shorts
• 2 casacos de frio impermeáveis
• 1 moleton
• 1 jaqueta
• 1 tênis
• 1 bota com solado grosso (não era impermeável)
• 1 havaianas
• 1 toalha de viagem da decathlon
• 1 biquini
• Peças íntimas (calcinhas e sutiãs)
• Touca de lã para frio, meias, luva de frio, óculos escuros, lenços, boné, cachecol
• Necessaire transparente com produtos de higiene pessoal pequenos (shampoo, condicionador, protetor solar, hidratante, etc) de no máximo 50ml cada.
• Necessaire de remédios básicos para enjoos, dores de cabeça, febre, gripe, cólica, má digestão.
• Papel higiênico (acredite, isso é muito importante)
• Camera fotográfica + lentes + tripé
DICAS E OBSERVAÇÕES
Na volta, vi que poucas das peças de roupas que levei não foram usadas então acho que essa é a quantidade máxima pra fazer uma viagem sem precisar ficar repetindo muita roupa e sem precisar ficar indo sempre na lavanderia. 
Aqui vale uma outra observação, não comprei nada de roupa na viagem. Mesmo que eu quisesse, não teria espaço. rs Então observe isso caso pense em fazer compras. 
Outra coisa interessante é que conseguimos embarcar em todos os voos com as mochilas como bagagem de mão. Não sei se foi sorte mas por mim, nunca mais despacho mala! Isso é ótimo!

Abaixo algumas fotos (do celular) da viagem.
ESCLARECIMENTO IMPORTANTE: Eu ainda não consegui nem terminar de ver todas as fotos que fiz com a câmera fotográfica  e não consegui uma forma de enviar as fotos do meu celular pro meu computador sem perder qualidade, então peço desculpas pelas fotos com qualidade ruim aqui nesse post. 
Prometo que as próximas serão beeeem melhores! rsrs Mas a maioria dessas fotos estão no meu instagram pessoal então segue lá (@millyssis) pra ver fotos melhores que vou postar fotos dessa viagem até 2022!! rsrs 


Nossas mochilas para os 25 dias 

Hora de viajar 

Chacaltaya - La Paz

Isla del Sol / Ilha do Sol

Copacabana - Bolivia

Hora de ir da Bolívia pro Peru

Salineras de Mara

Machu Picchu

Topo da WaynaPicchu

Deserto de Usaka - Nasca

Tour de 3 dias - Salar do Uyuni

Pedra do Coiote - San Pedro de Atacama

Rota Los Caracoles do Chile para Argentina

Reserva Nacional - Paracas - Peru



Caso tenha alguma pergunta, ou precise se algum esclarecimento que eu possa ajudar, não pense 2 vezes e pergunta a vontade aqui nos comentários!

Bêjos e até o próximo post sobre nosso primeiro dia de viagem! 





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...