Páginas

Menu

14 outubro 2016

Sobre o valor aos pequenos gestos de amor....

Hoje o post é diferente mas super válido para o universo feminino. Reflexão!

Passamos diariamente gastando minutos e horas preciosas dos nossos dias desvalorizando pequenos gestos de amor que recebemos de quem nos ama e só Deus sabe em que isso pode resultar.... Porque definitivamente a humanidade não sabe viver um amor incondicional. Por maior que seja, aquele amor ardente uma hora capenga, se chateia, se machuca, se quebra e se vai...

Sabe aquela pessoa que lhe ofereceu ajuda com as sacolas pesadas um dia na rua?
Lembra daquele café da manhã que você recebeu na cama?
Ou simplesmente aquele dia em que alguém fez questão da sua presença ou de querer saber como estava seu dia, de como ele foi?
Lembra daquela vez que você passou o dia todo deitado no sofá e alguém passou o dia fazendo aquele prato que você adora?
Lembra aquela vez que você tava super concentrada(o) e cansado trabalhando ou estudando e alguém chegou do seu lado, te deu um beijo no pescoço, te abraçou e disse: te amo?
Lembra das vezes que você chegou cansado(a) em casa e achou suas roupas todas arrumadinhas e sua janta pronta, quentinha na mesa?
Lembra daquela pessoa que sempre se preocupou em te oferecer o melhor dela e isso não inclui nada que envolve dinheiro?
Lembra daquela vez que por mais desconfortável que fosse aquela pessoa ficou do seu ladinho só pra sentir o prazer de tá do seu lado?
Lembra daquela vez que seu esposo ou namorado te ajudou com algo do seu trabalho ou da escola, mesmo sem receber nenhum dinheiro em troca mas por saber que isso iria te ajudar?
Lembra daquela vez que sua esposa, mesmo sem gostar assistiu uma ou duas partidas de futebol e deixou de lado as coisas dela só pelo prazer de estar ao seu lado?

Isso é a mais singela forma de amar e de empatia que alguém pode expressar por outra e eu poderia listar inúmeras e inúmeras dessas.

Muita gente, e eu claramente me incluo nisso, acha que amar é ganhar o carro do ano ou aquela bolsa caríssima ou uma passagem aérea pra uma viagem pela Europa...
Mas acredite, isso tudo passa pelos seus dias e vira passado.
O sentimento singelo do amor é o mais valioso e puro que pode existir e quando falo de valor não falo de dinheiro, eu falo de IMPORTÂNCIA.

Você pode facilmente perder o carro valioso que você acha ser a maior prova de amor que recebeu.
Você pode ficar pra sempre com uma caixa cheia dos souvenirs de todas as suas viagens que para você eram a grande prova de amor que recebeu de alguém.

Mas o dia que você perder os pequenos e valiosos gestos de amor que alguém que você ama lhe ofereceu por várias e várias vezes e você desvalorizou, todos esses presentes caros que você recebeu deixam de fazer sentido e talvez seja tarde pra recuperar os pequenos gestos que você recebia e a única coisa que vai te restar vai ser o vazio de desejar os pequenos gestos, olhares e palavras de amor que foram desvalorizados por tanto tempo.

Um dia eu ouvi de alguém a seguinte frase: "Dê importância, ao que realmente tem importância".

As vezes isso pode não fazer sentido porque pra você hoje importante é uma coisa mas amanhã você descobre que essa coisa não era tão importante assim.

Meu objetivo hoje é só lembrar que o que tem importância mesmo, é tudo aquilo que dinheiro não compra.
Valorize pessoas, gestos e não coisas e objetos.
Valorize momentos com pessoas e não momentos com coisas.

Um dia só isso vai fazer sentido.







Beijos e até o próximo post!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...